quinta-feira, 10 de março de 2011

São Lourenço do Sul - RS debaixo d'agua!

A cidade de Rio Grande também foi atingida pela chuva:imagem 14
Morador observa o corpo de uma vaca morta que, carregado pela enxurrada, acabou entre os galhos de uma árvore:imagem 19
Ruas ficaram completamente alagadas em São Lourenço:imagem 15
Helicóptero da Defesa Civil fez o resgate dos moradores ilhados:imagem 8
Leitor enviou fotos da situação das ruas na cidade:imagem 7
A ponte sobre o Arroio Pinto cedeu com a força da água:imagem 4
De acordo com a prefeitura da cidade, choveu entre 16h de quarta-feira e 1h da madrugada desta quinta:imagem 2

A forte chuva que começou na tarde e se prolongava pela madrugada desta quinta-feira em São Lourenço do Sul isolou famílias e preocupa a prefeitura do município do sul do Estado. A água acumulada fez com que rios e arroios transbordassem, provocando, às 23h15min, a interdição da rodovia Porto Alegre-Pelotas (BR-116) na altura do km 471,4 em ambos os sentidos.

Por volta das 2h, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que outros dois trechos da estrada foram bloqueados — no km 480, onde também há uma ponte, e no km 468.

A área mais afetada era a de Passo do Pinto, onde um arroio transbordou. O prefeito de São Lourenço, José Nunes, participava das operações de busca aos moradores isolados no interior do município. Segundo ele, a largura do leito do Arroio Passo do Pinto se multiplicou com o excesso de água.

— O arroio tinha uns 30 metros de largura e agora parece que tem um quilômetro — disse.

Uma das maiores preocupações é de que o Arroio São Lourenço transborde e atinja o centro da cidade.

Quanto à BR-116, não há previsão de liberação. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma ponte sobre o Arroio Viúva Tereza foi encoberta pela água, que chegou a um metro e meio sobre a estrutura.

Será preciso que a água baixe e que um engenheiro confeccione um laudo sobre a ponte para que ela possa ser reaberta ao trânsito.

Um caminhão teria caído no arroio, conforme a PRF, mas o motorista se salvou. Ele teria dito que outro caminhão caiu na água. A PRF tenta confirmar as informações e recomenda que ninguém viaje para a região.


Veja o mapa onde ocorreu os bloqueios e os desvios:






A enxurrada que antigiu a região sul do Estado e interditou rodovias e mobilizou os leitores da região Sul. Na cobertura em tempo real via Cover It Live, leitores participam relatando a situação. Em São Lourenço do Sul, casas ficaram algadas e muitas pessoas subiram nos telhados aguardando resgate. Segundo a leitora Carla, a cena na era desoladora:

— Minha avó disse que tinha móveis passando pela rua , ela disse que é triste demais de ver. A maioria dos bixos do meu avô morreu, ele está chorando muito — relata.

Muitas famílias perderam tudo e ruas ficaram intransitáveis em São Lourenço:

— Minha mãe mora na Mariz e Barros esquina com a Sepé Tiaraju. Ela disse desta rua pra baixo está tudo alagado. Muita gente perdeu tudo — afirma Juliana.

Liane Bartz tem uma tia que mora na cidade, ela perdeu tudo. Mas o alívio em receber notícias foi mais importante:

— Eles sairam de casa apenas com a roupa do corpo e os três filhos. Que Deus os abençoe. Estou apavorada.

A situação, segundo a leitora Maíra, já está melhorando:

— Existem muitos barcos de pesca e lanchas socorrendo os moradores. A água já está baixando consideravelmente — diz.

A Defesa Civil está fazendo resgate dos moradores de São Lourenço do Sul de helicóptero.


Fonte e imagens: Jornal Zero Hora - Porto Alegre
Postar um comentário