sábado, 11 de outubro de 2008

Será mesmo?

Será que, às portas da morte, imagens da vida passam pela mente? Será que as pessoas relembram as situações passadas, coisas vividas, atitudes tomadas? Ocasiões, decisões, caminhos seguidos ao longo da existência, espoucam ante os olhos fechados? Flashes de pequenas e grandes histórias iluminam a mente nesses instantes finais da vida? Amores vividos, fortes emoções, difíceis decisões ou loucuras cometidas serão rememoradas? As alegrias, novamente sentidas? Ações, traições, falsidades, maldades praticadas e mentiras ditas, serão choradas? Perguntas difíceis de responder... Talvez, o melhor seja tentar estar em paz consigo mesmo e viver cada dia como se fosso o último. Que dia estranho hoje...
Postar um comentário