sábado, 15 de agosto de 2009

Então...?

Nunca toquei rock’n roll,
Nunca sorri de verdade,
Nunca corri descalço,
Nunca ri com vontade,
Nunca me contentei
Com a metade...
A guitarra ainda na caixa,
O sorriso enferrujou,
O todo se partiu,
A alegria acabou
Enfim, afinal
Do que preciso?
Qual é o meu destino?
Quem eu sou?
Postar um comentário