sábado, 5 de julho de 2014

Mambembe...


Tal qual marionete,
faço o que mandas,
digo o que falas,
ando os teus passos.
Espero, torço, rezo,
para que manipules logo,
os cordéis
do nosso abraço......

04/07/2014
23h 44min

http://www.recantodasletras.com.br/poesias/4870217

Postar um comentário